Ergonomia

Dicas de Ergonomia.

Ter móveis muito grandes, desproporcionais, em um espaço pequeno, pode acentuar a ideia de aperto. Pode tornar a sensação de que o lugar é ainda menor. Móveis proporcionais dão ideia de ambientes, organização.
Seguem algumas diretrizes que podem ajudar na decisão sobre como organizar seus ambientes e que dimensões os móveis devem ter:
- Para corredores compridos, não deixar passagem menor do que 80cm.
- Quando o espaço é pequeno, tente colocar peças baixas porque, assim, elas não ocupam muito volume no ambiente e não carregam muito;
- Para as cadeiras de trabalho, deixar no mínimo 75cm (para permitir que você afaste a cadeira para se sentar ou se levantar). Quando houver circulação eventual de uma pessoa atrás da sua cadeira, deixar pelo menos 90cm.
- Preste atenção na hora de escolher as cadeiras com braço: elas precisam ser mais afastadas do tampo da mesa para permitirem que você sente e levante; Ainda sobre os braços… Não deixe de conferir se a altura é menor do que o vão abaixo do tampo.
- Na mesa de jantar, o tampo deve dividir espaços de pelo menos 62cm de largura para cada um. As regras do espaço atrás do tampo, para levantar e sentar confortavelmente, são as mesmas das mesas de trabalho;
- Assentos confortáveis para sala de TV precisam ter profundidade livre de pelo menos 60cm. Cuidado com os encostos ou almofadas que te levam muito pra frente. Você corre o risco de ter que assistir TV sentado retinho.
- Luminárias pendentes nunca devem atrapalhar a linha de visão de quem está à mesa. Precisam ficar acima da altura dos olhos;
- Numa estante, as prateleiras mais altas devem ter no máximo 1.80m. Se forem mais altas que isso, há necessidade de utilizar escada.
- Espaço de circulação em volta da mesa de centro numa sala de estar deve ter no mínimo 55cm. Quanto mais baixa a mesa, maior o espaço vai parecer.
Fonte: http://www.casosdecasa.com.br/index.php/2009/06/ergonomia-medidas-minimas-e-maximas/

Comentários

Postagens mais visitadas