terça-feira, setembro 11, 2012


Blogueira Lindsay Ballard

Lindsay Ballard se considera obsessiva por cores e é apaixonada por projetos do tipo “faça você mesmo”. No blog Living with Lindsay, ela aplica as suas próprias regras de decoração e mostra como é fácil transformar os ambientes

Por Cristiane Senna
Luca Bebé Photography“As pessoas me reconhecem quando estou no supermercado. É uma
experiência muito estranha (mas divertida).”
Tudo começou em 2008, quando Lindsay Ballard mudou-se com a família para uma casa nova em Austin, no Texas. Apesar da boa estrutura, as paredes bege não refletiam a personalidade colorida da moradora. Criativa que só, a dona de casa e mãe de dois filhos começou a estudar formas de transformar aqueles ambientes em um verdadeiro lar. No meio de uma enxurrada de ideias, decidiu que era hora de compartilhar suas aventuras com um bocado de internautas. No blog Living with Lindsay (livingwithlindsay.com), ela ensina como dar um jeito em cômodos monótonos usando as próprias mãos. Leia, abaixo, o bate-papo com a blogueira e comece agora a idealizar o seu próximo projeto de decoração.
Casa e Jardim: Como define o seu estilo de decoração?
Lindsay Ballard:
Vintage moderno e vibrante. A cor é, sem dúvida, a primeira coisa que me move quando vou transformar um cômodo. Eu tento captar o sentimento e o humor do espaço, decido quais tons eu gostaria de usar e dou o pontapé inicial. Eu também amo mobiliário retrô e tento incorporá-lo aos ambientes.
CJ: No seu blog, você diz ser uma pessoa obcecada pelas cores. Qual é o significado delas na sua casa?
LB:
A cor muda tudo. Permite que nós nos expressemos em níveis que só podem ser sentidos, e não falados. Eu posso ver beleza em um espaço com tons neutros, mas o considero como um cantinho de relaxamento – e meus projetos são muito mais do que um local para um bom cochilo à tarde. Eu preciso de energia e vibração para fazer a imaginação e a criatividade fluir. É incrível como um quarto pode passar por uma transformação tão drástica depois de umas demãos de pintura em tons brilhantes. Eu pude ver esse impacto, já que todas as paredes da minha casa eram beges. Nunca imaginei que os meus ambientes favoritos seriam aqueles que eu passava menos tempo.

CJ: Qual é o seu cantinho favorito da casa?
LB:
Meu mural particular no quarto. Toda manhã, é a primeira coisa que eu vejo. Pendurei belas fotos em preto e branco dos meus filhos ao lado de um par de chifres prateado – é o meu toque de extravagância. Sob elas, há uma das minhas peças mais preciosas: uma cômoda resgatada na casa de um amigo. Pintei-a de amarelo e coloquei puxadores pretos. É uma das minhas joias.

CJ: Transformar é a melhor forma de colocar personalidade na decoração?
LB:
Eu amo projetos “faça você mesmo”. Meu marido cresceu em uma casa antiga, com mais de 100 anos, cheia de possibilidades. Ele e sua família passaram muito tempo remodelando-a e isso rendeu um conjunto incrivel de habilidades manuais - que foram passadas para mim. Sei que posso poupar dinheiro instalando um ventilador de teto ou pintando um quarto. Mas ainda mais importante que a redução de custos, o DIY [do it yourself, expressão usada no exterior] é a única maneira de ter a sua casa exatamente do jeito que quer.

CJ: Qual é a sua dica para economizar dinheiro, sem perder o charme?
LB:
Use a internet! Temos a sorte de viver em uma época em que a informação está em nossas mãos. Se eu precisar de inspiração para um ambiente, procuro outros blogs e sites de decoração e dou uma olhada em muitas imagens. Quando acho um projeto que me agrada, tento identificar o que mais me chamou a atenção nele: as cores, o sentimento ou até o sofá... Aí é só buscar um tutorial para colocar aquilo em prática.
CJ: Tem algum projeto que você gostou mais de executar?
LB:
Meu marido brinca que, toda vez que eu termino algo, eu digo “este é o meu favorito”. Acho que isso significa que estou sempre buscando novas técnicas e novos limites para ultrapassar.
Lindsay Ballard
“Finalizo alguns projetos, outros não. Tentar e aprender com os erros e sucessos são algumas das melhores maneiras de construir habilidades para a vida. Eu sou uma pessoa mais forte e mais confiante do que eu era antes de começar o blog”
Cinco passos para ter uma casa autêntica
1
Seja fiel ao seu gosto e não se incomode com opiniões alheias.
2
Responda a perguntas como: Há lugar para as crianças brincarem? Qual tipo de tecido devo usar para disfarçar os pelos dos meus pets?
3
Concentre-se em um ambiente de cada vez. Decorar não é uma corrida. Quando terminar um projeto, relaxe um pouco.
4
Entenda a função de cada móvel e objeto na sua casa e preste atenção em como eles podem afetar a sua vida.
5
Curta o processo de criação. Você deve levar anos para afinar o seu estilo, por isso a decoração da casa nunca estará, de fato, finalizada.
Lindsay Ballard
Nos ambientes preferidos de Lindsay, há peças contemporâneas e antigas
0

0 Comente Aqui:

Postar um comentário

Bjs

Káh Lima Romão

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Blogger templates